clike para ver mais
clike para ver mais
clike para ver mais
clike para ver mais
clike para ver mais

clike para ver mais

Polícia investiga suposto rombo na Copacafé que pode atingir cooperados amparenses

Uma das mais fortes cooperativas da região, a Copacafé (Cooperativa dos Cafeicultores), da cidade de Perdões, pediu a ajuda da polícia para investigar a suspeita de rombo financeiro. A Polícia Civil  investiga o desaparecimento de dinheiro, sacas de café e até um caminhão teriam desaparecido da cooperativa.

 

O presidente da

Copacafé, Rubens Rosa, quando tomou conhecimento do suposto rombo registrou boletim de ocorrência, onde ele afirma que cerca de R$ 400 mil Paaset hyvin kokeilemaan erilaisia hedelmapeleja CasinoEuro n netticasinosta, josta loydat laadukkaita hedelmapeleja. desapareceram de uma conta bancária da instituição. Outros cooperados também registraram boletim de ocorrência.

 

O presidente da Cooperativa apontou um suspeito para a o delegado Tiago Veiga Ludwig, responsável pelas investigações. O suspeito faz parte da diretoria da

Copacafé. Os cooperados disseram em depoimento ao delegado Ludwig que não havia histórico de valores para ressarcir produtores em caso de venda de café, e que as sacas haviam desaparecido. Ainda segundo o delegado, a suspeita é de que cerca de sete mil sacas de café tenham desaparecido, o que corresponde a pelo menos R$ 2,4 milhões. Três inquéritos policiais foram instaurados para investigação do

caso. Em Santo Antônio do Amparo, muitos cooperados da Copacafé estão aflitos com a situação e acompanham de perto as investigações.